Retrospectiva James Bond [Os filmes não oficiais]

1967 e 1983 viram, por variadas questões legais, dois filmes do James Bond fora do cânone oficial.

Casino Royale, 1967, dir. Ken Hughes, John Huston, Joseph McGrath, Robert Parrish

Um desastre! Projecto inchado e descontrolado, com a participação de muito talento e de muito ego.

Teria desculpa caso tivesse alguma piada. Não tem.

2/10 martinis


Nunca Mais Digas Nunca (Never Say Never Again), 1983, dir. Irvin Kershner

Acho infinitamente interessante o simples facto de este filme existir. Razões legais aborrecidas demais para explanar aqui fizeram com que Kevin McClory produzisse em 1983, em concorrência com 007 - Operação Tentáculo, um remake de 007 - Operação Relâmpago, com Sean Connery a repetir o papel que tinha prometido nunca mais interpretar.

Irvin Kershner realizou três anos depois d'O Império Contra-Ataca e, apesar de alguns elementos negativos ou datados - o jogo de computador jogado num casino, a dança jazz de Domino (Kim Bassinger) ou o comic relief de Rowan Atkinson - existem alguns elementos positivos a apontar - Barbara Carrera destravada no papel de Fatima, uma boa cena de acção sub-aquática envolvendo um tubarão ou a secção Q como um recanto ignorado do MI6.

A história continua empolada e incoerente mas Nunca Mais Digas Nunca vale a pena, nem que seja pela curiosidade.

6/10 martinis